Meu bebê nasceu e agora? – Drops das SiS #262/365

No post hoje, vou falar sobre “meu bebê nasceu. E agora? ”

Essa realmente é uma das preocupações mais frequentes dos pais.

O recém-nascido é um ser muito protegido, e precisa ser, afinal ele é frágil, imaturo. E a não ser que você tenha contato muito próximo com alguém que tenha acabado de ter bebê; o primeiro recém-nascido que você terá contato de fato, será o seu. Isso gera uma ansiedade enorme nesses novos pais. Um bebê que vem sem manual de instruções, que não sabe dizer o que está querendo ou sentindo. E aí, o que fazer?

A primeira coisa, é se preparar durante a gestação para o nascimento do bebê. E como podemos fazer isso? Participando de cursos de maternidades. Aqui na SiS, temos um curso preparatório, para como cuidar do bebê depois que ele nascer; como cuidar de um bebê em casa, quais são os riscos, os sinais de alerta, todas essas coisas. Portanto, é fundamental se você ainda não tem habilidade com bebês recém-nascidos, você deve fazer um curso como esse.

Além disso, existem conteúdos bons na internet, o difícil é encontrar. Então, em que sites, blogs, canais no Youtube, eu posso confiar?

Isso é algo que envolve muito indicação, no Drops da SiS, temos um vídeo por dia (Inscreva-se no nosso canal), em todo o ano de 2019, portanto, é uma fonte de conhecimento boa para você que será mamãe ou papai.

Uma outra coisa muito importante, é você escolher o pediatra do seu bebê, ainda na gestação (temos um post falando sobre isso, veja aqui). E por que isso é importante?

Pensem no seguinte: o pediatra será sua referência sobre a saúde do seu bebê. Então, se só depois que o bebê nasce você for procurar um pediatra que seja bom, você já estará com o bebê no colo. E se acontecer alguma coisa, já precisará de alguém em quem confie muito. Dessa maneira, não é o momento ideal para escolher o profissional ideal. Durante a gestação você tem mais tempo, pode ir em diversas consultas, conhecer vários profissionais e escolher um que tenha uma filosofia igual a sua e que te atenda da maneira que você gostaria.

Além disso também, você formará sua rede de apoio: quem ajudará quando o bebê nascer; o pai, a sogra, a mãe, amigos, quem poderá me ajudar? Isso é essencial.

E quando o bebê nasce, você estará na maternidade, e será o momento de você ouvir de novo todas as informações que você já ouviu no curso para gestantes e tirar dúvidas. Esse é um bom momento para isso, para tirar dúvidas sobre amamentação; pois aprender na teoria é uma coisa, aprender amamentação na prática, é outra, e o seu bebê também, precisará aprender.

No momento que você está em casa com aquele bebezinho indefeso, ainda bate aquela sensação de insegurança, mas saiba que o importante é você estar perto do seu bebê. Ou seja, passar tempo com ele, tentar reconhecer as necessidades, interagir. Depois de poucos dias, você já percebera alguns traços da personalidade do seu bebê e começará a entender a linguagem que ele “fala”.

É muito importante dar esse tempo, e acreditem, embora seja uma brincadeira que sempre fazem; o bebê irá sobreviver! Por mais que sejam pais de primeira viagem e não tenham todo conhecimento do mundo, normalmente o feeling dos pais é super importante! Dessa maneira, se acham que tem alguma coisa errada, podem procurar o pediatra ou um pronto-socorro, e ficará tudo bem no final.

Gabi é enfermeira neonatal e fotógrafa de recém-nascidos do estúdio SiS foto e design.

No Comments

Post A Comment

The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.

plugins premium WordPress
💬 Precisa de ajuda?